Feira de Economia Solidária no Espaço Cultural da Barroquinha


Espaço Cultural da Barroquinha, local muito tranquilo para a realização do espetáculo e coquetel

foto de Bruno Almeida/Comunika Press

Em comemoração aos 462 anos da cidade do Salvador, no dia 29 de março, a Secretaria Municipal do Trabalho, Assistência Social e Direitos do Cidadão (Setad) promove de segunda a sexta-feira das 14h às 20h até o dia 30 de março, a Feira de Economia Solidária, no Espaço Cultural da Barroquinha. A Feira apresenta produtos de moda, decoração e utensílios domésticos, confeccionados com variada matéria-prima, a exemplo de tecidos, fibras, palhas, tintas especiais, couro, miçangas, papel e materiais reciclados. Para o secretário Emerson Palmeira, a feira tem o objetivo de gerar emprego e renda para dezenas de artesãos e aproximar do grande público profissionais talentosos, “alguns deles com clientes em outros estados e até no exterior”. Desde a abertura da feira no dia 14, os artesãos expõem e comercializam seus trabalhos. O acesso é gratuito e a coordenação do evento é de responsabilidade da Coordenadoria de Projetos Alternativos para Geração de Emprego e Renda da Setad. A programação será encerrada com a apresentação do Grupo de Samba de Roda das Marisqueiras, de Ilha de Maré. No Campo Grande – Neste sábado e domingo (19 e 20), a Setad levará a Feira para a Praça do Campo Grande onde o público, além de ter acesso à exposição e comercialização dos produtos artesanais, poderá desfrutar de boa música com a apresentação coordenada pelo maestro Fred Dantas, no sábado às 20h, e da Orquestra Juvenil da Bahia (Neojibá) regida pelo maestro Ricardo Castro, no domingo, a partir das 18h. Além de coordenar o evento, a Setad buscou importantes parcerias com instituições que ministram palestras e disponibilizam serviços, a exemplo do Sebrae, que forneceu aos artesãos orientação empreendedora, o Fundo Municipal para o Desenvolvimento Humano e Inclusão Educacional de Mulheres Afrodescendentes (Fiema), que promoveu palestra sobre os direitos da mulher e a Secretaria Municipal da Reparação (Semur) com a divulgação do Observatório de Discriminação Racial. Os técnicos da Setad também estão disponibilizando informações e orientação sobre acesso ao crédito e regularização da atividade de artesão, enquanto a Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional da Secretaria realiza avaliação nutricional com os participantes. A Setad também firmou parceria com a Fundação Gregório de Mattos, que administra o Espaço Cultural da Barroquinha, para que a Feira de Economia Solidária seja realizada no local na última semana de cada mês, até o final de 2011.

http://www.salvador.ba.gov.br

foto: http://www.flickr.com/photos/comunikapress/5244653959/in/photostream/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s